Você já foi chamada de mandona?

A Girl Scouts USA, comandada por Anna Maria Chavez, e a Lean In, organização sem fins lucrativos fundada por Sheryl Sandberg, chefe operacional do Facebook, lançaram essa semana nos Estados Unidos a campanha “Ban Bossy” para banir a palavra “bossy”, ou mandona, do vocabulário. E a repercussão tem sido enorme, celebridades como Beyoncé, Condoleeza Rice, Hillary Clinton, Jennifer Garner, e muitas outras já aderiram.

Ban Bossy

A ideia é a seguinte:

“Quando um menino é assertivo, ele é chamado de ‘líder’. Mas quando uma menina faz o mesmo, ela se arrisca a ser marcada como ‘mandona’. Palavras como mandona enviam uma mensagem: não levante a mão ou fale mais alto. No ensino médio as meninas são menos interessadas que os meninos em serem líderes – uma tendência que continua na vida adulta. Juntos podemos encorajar as meninas a liderar.”

A proposta da campanha até que faz sentido, mas será que o problema está na palavra em si e não em como e quando ela é usada? Banir “bossy” só vai fazer com que outras palavras sejam usadas: fria, agressiva, prepotente, arrogante, autoritária, só pra citar alguns exemplos.

Com a experiência de quem vem sendo chamada de “mandona”, “sargenta” ou “caninana” desde a infância, não acredito que banir a palavra vá fazer a menor diferença. Afinal, quem é líder por natureza, não vai deixar de ser, só porque alguém a rotulou de mandona. E quem se incomoda e se retrai ao ser chamada de mandona, é porque já não era autoconfiante o suficiente. Então, em vez de colocar a culpa na palavra, não seria melhor ensinar a lidar com ela?

Além disso, ser mandona/líder só significa que você manda e lidera, e daí? Não tem nada de mais nisso. E se você não é mandona/líder, também não tem nada de errado nisso. Sim, existem pessoas que não gostam de mandar em nada, não querem liderar nada e são muito felizes assim. As pessoas são diferentes, isso se chama individualidade ou personalidade, cada um, seja homem ou mulher, é do jeito que é e está bom assim.

P.S: Pra quem não sabe, caninana é uma cobra, que, apesar de não ser venenosa, pode ser bastante agressiva quando se sente ameaçada. É muito temida por ser ágil e se alimentar de animais muito maiores que seu próprio corpo. Bossy, não?

Deixe seu comentário.