O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès: O Festival des Métiers

Já falei aqui como eu adoro morar em São Paulo? Semana passada tive a oportunidade de visitar o Festival des Métiers da Hermès no Museu de Arte Brasileira da FAAP. O Festival des Métiers é uma mostra interativa, que já percorreu o mundo, onde alguns dos artesãos da famosa grife francesa se apresentam como se estivessem trabalhando nas oficinas da empresa em Paris e nos mostram ao vivo como são produzidos alguns dos itens da marca: relógios, lenços, bolsas, selaria, gravatas, porcelanas e joias.

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

Foram algumas horas de encantamento. Apesar de lotado, o clima era de tranquilidade, as pessoas falavam baixo e circulavam com calma entre as mesas de cada um dos artesãos. Mas o interesse em cada uma das explicações era grande e a participação também. Sempre assessorados por uma tradutora, cada um dos artesãos estava disponível para responder a todas as perguntas, até aquelas pessoais, que brasileiro adora fazer: “Como você começou a trabalhar na Hermès?”, “Você gosta do que faz?”, “Está gostando do Brasil?”. Com muito bom humor e totalmente acessíveis, eles nos mostraram nos mínimos detalhes como cada uma das peças é feita.

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

E são muitos os detalhes. Um lenço de seda, por exemplo, leva dois anos para ficar pronto e chegar às lojas. Todo o processo começa em Paris, onde o time criativo da Hermès escolhe o tema e as cores da coleção, feito isso, o trabalho agora é dos designers da marca, artistas freelancers espalhados no mundo inteiro, que farão os desenhos. Escolhidos os desenhos, é a vez de escolher as cores e fazer as telas para a impressão da seda. E funciona assim: para cada cor, escolhida por uma equipe de 6 coloristas, o artesão responsável pelas telas tem que desenhar à mão cada um dos elementos do desenho original numa tela diferente. Como alguns lenços podem ter até 46 cores diferentes, são necessárias para a impressão de apenas um lenço, 46 telas diferentes, mais de 2 mil horas de trabalho. E o desenho tem que reproduzir exatamente o original fornecido pelo artista, ou seja, desenhou a perninha do cavalo um pouco mais levantada que no original, tem que fazer de novo.

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

Essa é só uma pequena parte de todo o trabalho que envolve a fabricação dos lenços, mas toda a produção da marca sejam lenços, relógios, bolsas, etc, vem de um trabalho extremamente minucioso, totalmente feito à mão e detalhadamente orquestrado.

O tema, as cores, os desenhos, a produção, as campanhas de marketing, a decoração das lojas, tudo tem que “conversar” entre si e seguir rigorosamente o planejamento feito lá no início pela equipe de criação da casa. Para dar uma ideia: esse trabalho, que eu contei, de escolha das cores dos lenços determina, por exemplo, como e onde cada um deles será exibido nas vitrines das lojas. Ou seja, cada uma das produções que você vê nas vitrines das lojas Hermès pelo mundo inteiro não está ali por acaso, horas de trabalho de várias equipes das mais diferentes especialidades estão por trás de cada detalhe do que você vê.

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

Eu fiquei maravilhada com o que vi, e mais ainda com as histórias por trás. É uma pena que a exposição tenha ficado tão pouco tempo em cartaz aqui no Brasil, eu teria ido mais vezes. No dia não deu tempo de participar de todas às explicações e nem de fotografar, eu fiquei tão hipnotizada com o que via e ouvia, que esqueci de todo o resto. Ainda bem que o meu fotógrafo favorito estava junto e fez algumas fotos.

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

O incrível trabalho dos artesãos da Hermès - Festival de Métiers na FAAP

Fotos: Christian Paulsen

1 Comment

Deixe seu comentário.